CREFITO-7 envia sugestão de reconhecimento de Santa Irmã Dulce dos Pobres como padroeira da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional

0
Recentemente, foi publicada a Lei Estadual nº 14.119/2019, instituindo, no estado da Bahia, o 13 de outubro como Dia da Santa Irmã Dulce dos Pobres. Nesta mesma data, comemoramos em todo território nacional o Dia dos Fisioterapeutas e dos Terapeutas Ocupacionais, que neste ano celebram o cinquentenário da regulamentação das profissões no Brasil.
 
Diante disso, o CREFITO-7, por meio do ofício nº 27/2019, sugeriu ao COFFITO o reconhecimento de Santa Irmã Dulce dos Pobres como Padroeira da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional no país.
 
Sabemos que a ligação de Irmã Dulce com a saúde vai além da criação e manutenção das Obras Sociais, que dispõem de serviços de Fisioterapia e de Terapia Ocupacional, entre outros utilizados por milhares de pessoas diariamente, servindo de exemplo para diversas Instituições de Saúde em todo o Brasil. A própria Dulce dos Pobres foi usuária dos serviços fisioterapêuticos e, à época, contribuiu bastante para o movimento de criação de um novo curso de Fisioterapia na Bahia, após uma década sem abrir turmas de graduação em Fisioterapia no estado.
 
Santa Dulce dos Pobres, nossa Irmã Dulce, marcou a história da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional. Apoie esta campanha!
 
Confira a íntegra do ofício enviado ao COFFITO: http://bit.ly/2lBswMU