0

Nunca divulgue, publique ou compartilhe alertas sobre a presença dos agentes do CREFITO-7 na localidade, cidade ou região onde está sendo realizada a fiscalização. Os alertas gerados por profissionais, principalmente nas redes sociais, favorecem a continuidade de contravenções penais e crimes, prejudicam a fiscalização, minimizam o efeito surpresa e provocam o desperdício do dinheiro público.

De acordo com o inciso I, do artigo 25, dos Códigos de Ética da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional, é infração ética concorrer a qualquer título, para que outrem pratique crime, contravenção penal ou ato que infrinja postulado ético profissional, sujeitando-se, o infrator, a responder processo ético-disciplinar.

Fiscalizar é proteger a sociedade das más práticas profissionais e do exercício ilegal da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional.